❇ Gonorreia
.
A gonorreia é, sem sombra de dúvidas, uma das DSTs mais frequentes e boa parte da população já ouviu falar sobre esse tipo de infecção. Ela é causada por uma bactéria conhecida como gonococo e, quando não tratada de forma adequada, pode aumentar o risco de outras infecções, como o HIV.
.
❇ Herpes genital:
.
O herpes genital é outra das doenças sexualmente transmissíveis que vemos com frequência no Brasil e no mundo, sendo bastante conhecida por boa parte da população. Os sintomas costumam ser bastante claros, com lesões e pequenas saliências vermelhas na região genital, que causam coceira e uma dor muito intensa.
.
❇ Sífilis
.
A sífilis é uma DST ocasionada por uma bactéria chamada Treponema pallidum e é uma DST muito conhecida em todo o mundo. No entanto, felizmente, ao contrário de outras doenças do tipo, temos um tratamento disponível que leva à cura completa do quadro, reforçando a importância do diagnóstico médico.
.
❇ AIDS
.
É um microrganismo traiçoeiro, que destrói as nossas células de defesa.
.
❇ Cancro mole
.
O cancro mole não é tão conhecido por boa parte da população, mas também merece figurar na lista de as doenças sexualmente transmissíveis mais comuns em função da sua elevada incidência no Brasil.
.
❇ Hepatites virais
.
As hepatites virais estão entre as mais perigosas doenças sexualmente transmissíveis e podem ser avaliadas e tratadas por diversas especialidades médicas, sobretudo o hepatologista. Elas são causadas por vírus, que provocam uma inflamação do fígado e que, dependendo do tipo e do caso, podem evoluir de maneira bastante preocupante.

Gostou do conteúdo? Compartilhe!

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp